ROBERTA BARAÇAL PEREZ

30 anos, fisioterapeuta e professora de Yoga

Câncer não tem idade. Eu tinha 27 anos quando recebi o diagnóstico. Não tinha o hábito de fazer exames preventivos. Foi um post de uma colega contando que descobriu um câncer aos 26 anos que mudou tudo… Fiz os exames e veio a notícia: eu tinha um tipo raro e agressivo de câncer de mama. Hoje, não tenho mais medo de morrer, tenho medo de não viver.

Informação

56 anos é a idade mediana da brasileira quando descobre o câncer de mama1. Apesar disso, 68 mil mortes acontecem entre mulheres com menos de 49 anos em países em desenvovimento2.


Fontes:

1. INCA. A Situação do Câncer de Mama no Brasil – Síntese de dados dos Sistemas de Informação. 2019, P. 22 . https://www.inca.gov.br/sites/ufu.sti.inca.local/files//media/document//a_situacao_ca_mama_brasil_2019.pdf, acessado em 27/09/2019.

2. FOROUZANFAR MH, ET AL. Breast and Cervical Cancer in 187 Countries Between 1980 and 2010: A Systematic Analysis. LANCET. 2011; 378(9801):1461–1484.

EXPOSIÇÃO ARTEMISA:
FRIDA, A CORAGEM DO PINK NO OUTUBRO ROSA
30 pacientes com câncer de mama mostram seu rosto e sua voz em uma instalação que mistura representatividade, arte e informação.
Clique nas imagens e conheça histórias inspiradoras!